quinta-feira, 30, junho, 2022
InícioTecnologia & CiênciaRaro pinguim amarelo é visto pela primeira vez no Atlântico Sul -...

Raro pinguim amarelo é visto pela primeira vez no Atlântico Sul – Notícias


Quando se fala em pinguins, logo se pensa naquelas aves que vivem em locais com temperaturas extremamente baixas, e que possuem o corpo coberto de penas nas cores branco e preto. Contudo, um registro feito por um fotógrafo mostra mais uma possibilidade de coloração deste animal.


Isso porque um pinguim amarelo foi visto e fotografado por Yve Adams, especialista em fotografias de animais selvagens. Até onde se sabe, essa foi a primeira vez na história que essa ave com a cor amarela foi avistada.


O pinguim amarelo foi visto na Ilha Geórgia do Sul, localizada no Oceano Atlântico Sul, durante uma expedição de Adams e outros profissionais ao local que durou cerca de dois meses.



“Nunca tinha visto ou ouvido falar de um pinguim amarelo antes. Havia 120.000 pássaros naquela praia, e este era o único amarelo lá”, afirmou Yve Adams ao jornal britânico The Independent.


De acordo com o profissional, ele e a equipe que o acompanhavam na missão de fotografar os animais da região ficaram muito entusiasmados ao ver o animal, e todos largaram os equipamentos para vê-lo mais de perto.


Leia mais: Novas técnicas de imagem em 3D otimizam dados sobre coronavírus


“Tivemos tanta sorte que o pássaro parou exatamente onde estávamos. Nossa visão não foi bloqueada por um mar de animais, o que normalmente ocorre nesta praia”, destacou o fotógrafo.


Segundo Yves, o animal pertence à espécie dos pinguns-reis, e deveria ser preto e branco, tendo somente uma faixa amarelada no corpo. Contudo, suspeita-se que as células do pinguim encontrado não geram mais melanina, o que transformou as suas penas originalmente pretas em amarelas.



*Estagiário do R7 sob supervisão de Pablo Marques

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisment -

Mais Populares