domingo, 26, junho, 2022
InícioEsportesEx-presidente do Cruzeiro é hostilizado em restaurante de BH - Esportes

Ex-presidente do Cruzeiro é hostilizado em restaurante de BH – Esportes


O ex-presidente do Cruzeiro, Wagner Pires de Sá, foi hostilizado em um restaurante de Belo Horizonte, neste fim de semana, por torcedores do clube. Apontado como um dos principais responsáveis pela crise financeira e a queda do time para a segunda divisão do Campeonato Brasileiro, Wagner foi cobrado dentro do estabelecimento por, pelo menos, duas pessoas. 


Os homens se dirigiram até a mesa onde Wagner almoçava com outras pessoas. 


— Viemos só dar uma palavrinha com ele. Ele só vai escutar. 


Neste momento, a mulher do ex-dirigente se levanta e intervém. 


— Não tem palavrinha nenhuma não. Dá licença. 


O clima começa a esquentar quando a esposa de Wagner pede para os torcedores saírem, porque estavam ofendendo o ex-dirigente. 


— Ele ofendeu o Cruzeiro. 


Wagner se defende afirmando que os “que estão lá agora” são responsáveis pela situação ao vazar informações do clube para a imprensa.


Antes de deixarem o local, os torcedores ainda ameaçam o ex-presidente. 


— Vira homem. Some da cidade. 



Hostilidade e agressão


Essa não é a primeira vez que Wagner Pires de Sá é abordado por torcedores do Cruzeiro. Em setembro do ano passado, ele foi chamado de “bandido” em um bar da capital mineira. 


Outros membros da antiga diretoria do Cruzeiro sofreram ataques ainda mais graves. O ex-diretor Sérgio Nonato levou uma cusparada quando apareceu na sede do clube durante a eleição em maio do ano passado. Em janeiro deste ano, ele também teve o carro cercado por pessoas e o veículo foi apedrejado


Em outubro de 2020, outro cartola do Cruzeiro, o ex-vice Itair Machado é surpreendido por um homem que apedreja o seu carro, quando ele estava parado em uma rua. 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisment -

Mais Populares